RINDO À TOA. NÚMERO DE CELULARES CRESCE NO BRASIL


|| TECH
15/02/2012 | 19H45 | Por Igor Dias
O incrível crescimento das operadoras de celular no Brasil parece estar longe da acabar. O país já possui mais linhas de telefones celulares do que de população.

O brasileiro é um dos maiores consumidores do serviço de telefonia móvel do mundo. Dados mostram que o crescimento está acelerado neste segmento, proporcionando lucros expressivos às operadoras de telefonia móvel no país.

Isso se concretiza frente aos 3 milhões de habilitações concedidas aos consumidores. O número pode, para alguns, parecer gigantesco, e realmente o é. Até o final de janeiro, a soma de habilitações de telefonia móvel chegou aos 245,1 mi. Só para se ter ideia, o país possui, segundo dados do IBGE, 190 mi de habitantes. Isso representa quase 125,9 celulares para cada 100 habitantes. É uma densidade alta, pois isso representa que há mais de um celular para cada brasileiro.

Mesmo tendo a maior quantidade de aparelhos e linhas habilitadas para o serviço, São Paulo não ficou no topo da “teledensidade”. Com 60,1 milhões de linhas habilitadas, a capital paulista foi ultrapassada por Brasília, que teve uma densidade maior do que SP. O D.F. tem 5,3 milhões de linhas habilitadas, mas, sua densidade, observada a quantidade de habitantes e de linhas concedidas, ficou em 214,81, enquanto a maior cidade do país, S. Paulo, ficou com 143,93.

Nunca, em 13 anos, foram concedidas tantas linhas de celulares no país. E o mais curioso nisto é que o serviço de telefonia móvel brasileiro está entre os mais caros do mundo, muito embora sua renda per capita ainda seja relativamente baixa, dada a proporção do PIB com o salário médio pago aos brasileiros.

Só para entender melhor o impacto deste crescimento, ao final do ano passado, o Brasil fechou o ano com 242,2 milhões de linhas móveis habilitadas, com uma “teledensidade” de 123,87 para cada 100  habitantes. Com os dados atualizados, essa densidade é de 214,82. Destas habilitações concedidas, 81,8% representam os celulares pré-pagos, 18,1% pós-pagos – respectivamente, 200,7 milhões e 44,5 milhões de habilitações concedidas pelas operadoras do serviço móvel de telefonia.

A maior fatia do mercado ficou, em janeiro, com a Vivo (29,7%), seguida pela Tim (26,5%) e pela Claro (24,7%). Somente as 3 operadoras respondem por 81% do mercado de telefonia móvel no país.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s